O que é CPA, CPC, CPL e CPM? Entenda as métricas

0
296
homem usando notebook branco

Se você quer trabalhar com o mercado digital, é muito importante conhecer alguns termos básicos e as principais métricas do segmento. Tais métricas são utilizadas como modelo de comissionamento dentro do universo da afiliação e também no tráfego pago, ou seja: anúncios na internet.

Talvez você já tenha até ouvido siglas como CPC e CPM por aí, mas se ainda não entende o que elas significam ou está com dúvidas, esse artigo é para você. Continue a leitura e entenda as principais métricas.

Afinal, por que as métricas são importantes?

Se você já trabalha ou quer trabalhar com marketing digital, precisa saber que boa parte do trabalho consiste em analisar indicadores. É assim que identificamos o que está funcionando e o que precisa ser melhorado.

Os indicadores refletem informações importantes, que devem ser utilizadas para tomadas de decisões mais assertivas. Afinal, ter um negócio orientado a dados é a melhor forma de evitar erros, ser mais preciso e até mesmo prever tendências.

Esses indicadores são as métricas, que são usadas tanto para medir o rendimento de campanhas de tráfego pago, tráfego orgânico, como também como modelo de comissionamento em plataformas de afiliação. Abaixo, apresentaremos as principais delas. Veja!

CPC – Custo Por Clique

Uma vez que um anúncio é feito, existem várias formas de pagar por ele. Uma delas é o CPC, em que o pagamento ocorre quando um clique é feito para que o usuário vá até sua página. 

CPM – Custo Por Mil Impressões 

A cada mil impressões, ou seja, visualizações quaisquer do seu anúncio, determinado valor deverá ser pago para a plataforma anunciante. 

Inclusive, caso você seja um publisher, ou seja, tenha um site com espaço disponível para anúncios, pode vendê-lo nesse formato, cobrando por cada mil impressões obtidas em cada banner, por exemplo.

O CPM, embora seja uma das métricas mais populares para compra e venda de anúncios, tem sido menos utilizado. Em contrapartida, o CPA tem ganhado território e é sobre ele que vamos falar abaixo.

CPA – Custo Por Aquisição

Nesse modelo de custo, a pessoa que anuncia paga pelo anúncio quando tem uma aquisição, ou seja, uma ação concluída. Um exemplo de aquisição pode ser um cadastro. Isso significa dizer que a pessoa só pagaria à uma fonte de tráfego quando um cadastro fosse feito.

O CPA também pode ser usado com o objetivo de compra de um produto. Ou seja, é feito um anúncio com a finalidade de venda de certo item e, quando a transação é concluída por daquele anúncio, o anunciante paga o custo por aquisição à fonte de tráfego. 

É por isso que este modelo tem se popularizado, afinal é uma proposta interessante para quem anuncia, já que só é gasto dinheiro quando uma venda é fechada. Vale lembrar que com o CPA não é possível definir uma quantidade mínima de aquisições, ou seja, caso você invista R$100 para vender camisas de R$30 e só faça duas vendas com os anúncios, o CPA custou R$50 por cada unidade, o que não é lucrativo.

Por isso, as empresas tendem a investir em equipes de tráfego, que fazem um mix de compra de mídias e formatos, garantindo sempre um saldo positivo entre as operações. Se você for investir em anúncios sozinho, investir na diversificação entre outros formatos mais comuns, como CPC ou CPM, também é uma boa ideia. 

pessoa trabalhando no notebook
As métricas são essenciais para quem trabalha com Marketing Digital

CPL – Custo Por Lead

Você já sabe o que é um lead? Esse é um termo do marketing digital utilizado para nomear um cliente em potencial. Ou seja, alguém que pode ter interesse em fazer a compra de um produto ou serviço.

Existem diversas formas de coletar esses leads para, posteriormente, ofertar algo para eles. E uma dessas formas é através de anúncios. Quando a métrica CPL é usada para cobrança, significa dizer que quem anuncia pagará por cada contato de lead adquirido. 

Agora que concluiu a leitura deve ter ficado mais fácil compreender as métricas do marketing digital. Lembre-se que estar por dentro dos indicadores é a melhor forma de gerir um negócio, seja ele pequeno ou grande.

Se você gostou desse conteúdo, também vai curtir acompanhar a Afilio no Instagram. Publicamos diversas dicas interessantes todas as semanas. Siga nossa página!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here